Scroll Top

HOME

Fenajufe levará demandas dos servidores ao novo presidente do TST
13/03/2018

 

Audiência com o ministro João Batista Brito Pereira está prevista para a tarde desta terça (13)

Representantes da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e do MPU (Fenajufe) devem ser recebidos, na tarde desta terça-feira (13), pelo recém-empossado presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), João Batista Brito Pereira.

Os trabalhadores vão levar ao ministro uma série de reivindicações e preocupações da categoria. Segundo o servidor da Justiça Federal de São Paulo Erlon Sampaio, que integra a direção da Fenajufe e participará da reunião, os principais temas que a federação deve buscar colocar em pauta são os seguintes: Resolução 219/2016; PCS e concurso; benefícios sociais; reforma trabalhista; jornada de 6 horas diárias; Rede PJe e retomada das nomeações; nível superior para técnicos; reajuste da indenização de transporte. 

A preocupação com a antecipação das nomeações de concursados para o primeiro semestre, por conta do período eleitoral, deverá ser exposta.

Outro ponto relevante que deverá ser tratado é a questão salarial – há uma campanha nacional unificada do funcionalismo recém-lançada. Em dezembro passado, dirigentes da Fenajufe solicitaram à ministra Cármen Lúcia que a discussão em torno de uma política de reposição das perdas causadas pela inflação fosse iniciada.

Os servidores também pretendem cobrar do ministro empenho com relação à comissão dos tribunais superiores que tratou da carreira, cujos resultados não tiveram, até agora, encaminhamentos efetivos por parte das administrações. Assim como da criação de uma mesa permanente de negociações. Antes de tomar posse como presidente do TST, João Batista Britto havia se comprometido em defender essas duas questões, que também foram abordadas na audiência com a ministra Cármen Lúcia em dezembro.

 

Primeira audiência

Será a primeira conversa com o novo presidente do TST. Pouco antes dele tomar posse, dirigentes do sindicato da categoria no Maranhão (Sintrajufe-MA) foram recebidos pelo ministro e levaram a ele algumas demandas dos trabalhadores. O coordenado da Fenajufe Saulo Arcangeli, que integra a direção do sindicato maranhense, participou do encontro e relatou, à época, que o ministro João Batista Brito Pereira se disse aberto a dialogar, embora não tenha chegado a expressar a sua compreensão sobre os temas mencionados.  

É muito provável que a audiência desta terça não resulte em respostas definitivas por parte do novo presidente do TST. Mas a reunião carrega a expectativa sobre a abertura de um possível canal de negociações e pode demarcar o perfil da atual administração em relação a isso – após a gestão de um ministro, Ives Gandra da Silva Martins Filho, que reiteradas vezes expunha publicamente a jornalistas visões contrárias aos direitos dos trabalhadores e à própria Justiça do Trabalho.

 

Hélcio Duarte Filho

Luta Fenajufe



 
>>>>>